Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

14/07/2009 - Zero Hora Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Estelionatário engana mulheres na zona sul da Capital

Por: Mariana Mondini

Homem aplica golpe por meio de anúncios de um jornal.

Um vigarista bancando o Don Juan está dilacerando corações e bolsos de apaixonadas da Região Metropolitana. Bem vestido e de boa conversa, o homem demonstra estar enamorado das vítimas e aproveita-se da confiança delas para conseguir dinheiro fácil. Depois de receber grana e presentes, o malandro desaparece do mapa.

Três meses foram suficientes para uma mulher de 56 anos, que pediu para não ser identificada, cair na lábia do golpista. De acordo com ela, os dois conheceram-se por meio do correio sentimental de um jornal. A vítima publicou um anúncio no ano passado. Em março, um homem ligou para ela, e eles marcaram um encontro. A partir de então, teve início o relacionamento.

— Ele se apresentou como evangélico e viúvo. Disse que era diretor de pedágios. Começou a frequentar minha casa, ir a eventos da família. Ele é cativante — conta.

A mulher comprou roupas e dois celulares, de operadoras diferentes, para o namorado, que chegou a pedi-la em casamento.

— Ele dizia que tinha uma casa de 17 peças e um carro importado, fabricado na Alemanha. Só que nunca tinha dinheiro para nada. Ficávamos mais na minha casa — relata.

No início de junho, o oportunista disse à namorada que precisava fazer um curso em São Paulo, mas que a empresa só pagaria a hospedagem, ou seja, a passagem ficaria por conta dos funcionários. A vítima, então, deu R$ 350 para que ele pudesse comprar os bilhetes. Depois disso, o homem sumiu.

— Ligo e sempre cai na caixa postal. Pelas minhas contas, perdi mais de R$ 2 mil. Estou com a auto-estima baixa, isso me abalou física e psicologicamente. Quantas mulheres devem estar chorando como eu — lamenta.

Veterano no ramo

O vigarista já é conhecido na 13ª DP. Existem sete ocorrências de estelionato contra ele desde 1999. Entre elas, pelo menos mais uma assemelha-se à história relatada nesta página. Dessa vez, a vítima relatou que ele fez cópias de documentos dela e compras em seu nome.

Entre as aquisições, estavam um vestido de noiva, alianças, decoração, além de outras roupas e peças de cama, mesa e banho. No sistema, o golpista consta como desaparecido desde 2004. Por isso a dificuldade da polícia em localizá-lo.

De acordo com as vítimas, o golpista tem 46 anos, 1,80m, 106kg, olhos claros, cabelo preto, uma cicatriz no contorno da boca, anda bem vestido, é manco e tem cacoete em um dos braços.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 256 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal