Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

20/12/2006 - G1 Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF e Receita caçam fraudadores de recibos médicos


A Polícia Federal e a Receita Federal com o apoio do Ministério Público Federal desarticularam nesta quarta-feira (20) um esquema de emissão fraudulenta de notas fiscais e recibos referentes a serviços médicos e odontológicos não prestados, usados por pessoas para diminuir o valor do Imposto de Renda devido. A assessoria da PF não divulgou o nome dos responsáveis pelas fraudes e não houve prisões, mas houve quatro mandados de busca e apreensão em um escritório de contabilidade, um consultório odontológico e nas casas de dois supostos fraudadores.

A PF estima que pode ultrapassar R$ 2 milhões sonegados, além da multa de até 225% sobre o valor sonegado a que estão sujeitos os contribuintes que se beneficiaram do esquema. Segundo a assessoria, a fraude foi identificada pela Receita Federal por meio de verificação das declarações de renda entregues entre os anos de 2002 e 2006 por, aproximadamente, 400 contribuintes suspeitos de envolvimento no esquema.

A assessoria informou que as investigações ocorreram em sigilo e "modernos sistemas de gerenciamento informatizados compararam dados financeiros e tributários de diversas fontes, descobrindo incoerências". Na investigação, verificou-se que três clínicas odontológicas ligadas a um mesmo grupo de pessoas emitiram notas fiscais e recibos em valores aproximados de R$ 7 milhões durante o período investigado, sendo que, em algumas oportunidades, essas empresas declararam não possuir rendimentos.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 409 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal