Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

02/07/2009 - O Liberal Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Criminosos aplicam série de golpes on-line usando morte de Michael


Os spams sobre a morte de Michael Jackson ficam cada dia mais numerosos e convincentes, alertam especialistas em segurança da informação. O mais recente malware que pega carona na morte do Rei do Pop, enviado pelo endereço sarah@michaeljackson.com, diz oferecer músicas e fotos secretas de Jackson em um arquivo zip anexado, informou o 'Register' nesta quinta-feira (2).

Tendo como assunto 'Remembering Michael Jackson', o e-mail malicioso infecta os PCs de quem abre o arquivo anexado, propagando o worm. De acordo com as companhias especializadas em segurança na internet Sophos e Symantec, o malware também é capaz de se espalhar por pendrives USB.

'Os usuários sensatos devem estar bem conscientes de que cibercriminosos serão rápidos em explorar esta notícia para espalhar malware e spam', disse Graham Cluley, consultor sênior em tecnologia da Sophos, à agência 'France Presse'. 'Quem recebe este e-mail deve excluí-lo imediatamente para evitar o constrangimento de infectar seus contatos de e-mail'.

Especialistas em segurança acreditam que o tráfego malicioso associado à morte de Michael Jackson provavelmente se igualará ou será superior ao de outras grandes propagações de spam, como as relacionadas com a gripe suína e a execução do Saddam Hussein.

Para Dermot Harnett, analista de antispam da fabricante de software de segurança Symantec, 'a morte de Jackson pegou muita gente de surpresa, inclusive os 'spammers'. 'Pode demorar algum tempo para realmente começarem a disparar mais spams sobre o caso', avaliou.

De acordo com o site 'TG Daily', geralmente esses e-mails maliciosos não trazem no corpo da mensagem qualquer URL, e-mail ou número de telefone. Outro golpe utilizado pelos criminosos envolve uma falsa campanha on-line pedindo doações para a organização Michael Jackson Organization (Michael Jackson Organization, no idioma original do spam), que nada tem a ver com Rei do Pop.

Outros dizem que 'Michael Jackson não está morto', prometem vídeos inéditos dos últimos momentos do astro, trazem enquetes do tipo 'Quem matou Michael Jackson?' e até redirecionam para sites de medicamentos indicados para a impotência.

Os registros de nomes de domínio relacionados a Michael Jackson também dispararam desde sua morte, na quinta-feira (25). De acordo com a GoDaddy.com, companhia especializada nessa área, cerca de 7,5 mil nomes relacionados ao astro foram registrados desde então. Já no caso da atriz Farrah Fawcett, que morreu no mesmo dia, foram contabilizados cerca de 100 domínios no mesmo período.

Apesar disso, a companhia informou não ter recebido ainda qualquer reclamação sobre o uso desses recém-criados endereços em fraudes, de acordo com informações da agência de notícias 'Associated Press'.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 438 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal