Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

21/12/2006 - A Tarde Online Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Suspeita de fraudes faz INSS suspender benefícios


Setenta benefícios concedidos na Bahia a partir de abril deste ano foram suspensos pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) por suspeita de fraude. A informação foi divulgada nesta quinta-feira, 21, no site do Ministério da Previdência Social.

O INSS suspeita que os benefícios irregulares tenham sido emitidos com base em certidões de nascimento emitidas ilegalmente. O instituto desconfiou de pessoas que apresentavam requerimento de benefício assistencial atestando ter 65 anos, mas aparentavam ter idade inferior à registrada no documento. De acordo com o INSS, a maioria das certidões de nascimento utilizadas para o requerimento dos benefícios foram emitidas pelo cartório de Piabanha, Comarca de Maraú.

No cartório de Piabanha, técnicos do INSS encontraram 139 certidões de nascimento emitidas sem despacho judicial, ou seja, sem cumprir a determinação da Lei 6015, de 31/12/1973. Das certidões encontradas, 70 geraram benefícios assistenciais.

Um cruzamento do banco de dados do INSS verificou que os benefícios foram requeridos nas agências da previdência dos municípios de Santo Amaro, Jequié, Feira de Santana, Vitória da Conquista, Camaçari, Gandu, Coaraci, Canavieiras, Candeias e Alagoinhas.

O INSS observou, ainda, que os segurados obtêm a certidão de nascimento em uma cidade, o CPF em outro município, e informam endereço inexistente. Mesmo convocados por edital, eles não comparecem às agências do INSS para recadastramento.

Outros 185 benefícios concedidos a ciganos na Agência de Itamaraju, no sul do Estado, também serão investigados.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 493 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal