Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

16/12/2006 - Folha de São Paulo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF fecha 18 bingos no Rio de Janeiro e apreende equipamentos


A Polícia Federal, juntamente com o Ministério Público Federal e a Receita Federal, fechou hoje 17 bingos na capital do Rio de Janeiro e um em Nova Friburgo, região serrana do Estado.

Na operação Ouro de Tolo foram apreendidas cerca de 4.500 máquinas caça-níqueis. Segundo informações da PF, com as atuações deste sábado sobe para 31 o número de bingos fechados no Rio de Janeiro entre ontem e hoje. Os locais foram lacrados por tempo indeterminado.

Entre ontem e hoje, a Polícia Federal prendeu dez pessoas durante a operação Gladiador por ligações com esquema de jogo de azar nos bingos fluminenes e está em busca de outros nove envolvidos que permanecem foragidos.

De acordo com a PF, participaram da operação 420 policiais e 37 auditores da Receita, responsáveis pela apreensão das máquinas caça-níqueis e de computadores, que serão encaminhados para uma unidade da Marinha.

Ainda segundo a PF, as apreensões foram feitas porque há suspeita de uso de equipamentos contrabandeados, já que a importação de peças para as máquinas é proibida no Brasil e não há fabricação destes equipamentos no país.

Na operação Ouro de Tolo foram expedidos mandados de busca e apreensão por envolvimento com crimes de sonegação fiscal, evasão de divisas e caixa dois.

A expectativa do Ministério Público Federal é apreender cerca de 6.200 máquinas caça-níqueis com as duas operações. As máquinas estão avaliadas em US$ 75 milhões e arrecadariam cerca de R$ 20 milhões diariamente com o jogo.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 451 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal