Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/06/2009 - Costa Rica News / CampoGrande News Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Em Naviraí, idosa perde R$ 12,7 mil em golpe do bilhete

Por: João Humberto


A idosa Hilda Luiz Guedes, 70 anos, foi enganada hoje, às 10h30, por uma idosa de aproximadamente a mesma idade que a sua e um homem que aparentava ter 43 anos. A dupla de estelionatários aplicou golpe do bilhete premiado em Hilda, que entregou a eles o valor de R$ 12,7 mil.

O boletim de ocorrência foi registrado por Hilda no 1º Distrito Policial de Naviraí, cidade distante 370 quilômetros de Campo Grande. Mirian Guedes de Souza, filha da idosa, acompanhou a mãe no registro da ocorrência.

Hilda contou que caminhava nas imediações do Hospital Santa Ana, localizado no centro desta cidade, quando foi abordada pela idosa. A golpista disse que estava procurando uma loja de roupas, já que havia ganhado uma máquina de costura e R$ 2 mil.

Em seguida, a idosa golpista ainda apresentou um bilhete. Nesse momento, o homem de aproximadamente 43 anos se aproximou das duas idosas e a “contemplada” lhe apresentou o bilhete.

Instantes depois o homem saiu e quando retornou comunicou que a idosa golpista tinha ganhado o prêmio da Mega-Sena, avaliado em R$ 1,4 milhão. Contudo, a mulher disse que tinha dívidas no banco e não podia sacar o prêmio.

O homem sugeriu que a idosa golpista utilizasse a conta bancária da vítima para sacar o prêmio e como recompensa, Hilda receberia R$ 200 mil. Diante da sugestão, a golpista alegou querer uma prova de que a vítima e o homem tinham dinheiro no banco, afirmando que se tivessem não a passariam para trás.

Diante da informação da golpista, o homem saiu sob pretexto de que iria até o banco sacar dinheiro, retornando com uma quantia de R$ 12 mil. Hilda se dirigiu até uma agência em que tem conta e sacou o valor de R$ 2,7 mil.

Depois do primeiro saque, a vítima se deslocou até outra agência e sacou mais R$ 8 mil. Com o dinheiro em poder dos golpistas, um deles disse que levaria Hilda até sua casa, enquanto sacariam o prêmio.

A vítima permaneceu um tempo em frente a um comércio em que foi deixada e os dois golpistas não retornaram. Segundo Hilda, a dupla de golpistas estava em um veículo de cor azul, sendo que o homem tem estatura mediana, é moreno claro, tem cabelos lisos e curtos e usava camisa laranja e calça jeans.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 232 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal