Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

23/06/2009 - Alagoas em Tempo Real Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

PF prende duas pessoas denunciadas em operação Castelo de Areia


A Polícia Federal prendeu duas pessoas nesta terça-feira (23) no Rio de Janeiro (RJ) como parte da operação “Castelo de Areia”, depois que uma delas tentou sacar R$ 370 mil da Admaster, empresa que teria sido criada para simular remessas ao exterior de diretores da Camargo Corrêa, e que teve os bens bloqueados pela Justiça Federal.

Segundo comunicado do Ministério Público Federal em São Paulo, as prisões foram efetuadas pela PF sob determinação do juiz federal Fausto Martin de Sanctis, da 6ª Vara Federal Criminal de São Paulo, especializada em crimes financeiros e lavagem de dinheiro.

Na segunda-feira (22), o juiz de Sanctis recebeu também a primeira denúncia do Ministério Público Federal sobre a operação, que aponta a participação de 11 pessoas em crimes como fraude em operação financeira, evasão de divisas, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

As prisões dos dois envolvidos – apontados como doleiro e laranja do esquema de desvio de dinheiro - foram solicitadas pelo Ministério Público Federal, depois que, no dia 5 de junho, o MPF recebeu a informação do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) de que um dos sócios formais da empresa Adamaster, controlada e usada para simular as remessas de dinheiro ao exterior de diretores da Camargo Corrêa, tentou sacar R$ 370 mil da conta da empresa no Unibanco.

Quando foi informada, a procuradora da República Karen Louise Jeanette Kahn, responsável pelo caso, solicitou o bloqueio e sequestro de todo e qualquer valor, bem como de quaisquer outros ativos e aplicações financeiras em nome dos dois envolvidos e da Admaster Serviços Ltda.

Segundo trabalho de campo realizado pela Polícia Federal, a Admaster é uma empresa de fachada, com endereço em uma estrada de terra, em um bairro de baixa renda, em Saquarema (RJ), não havendo indícios de atividades empresariais no endereço.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 229 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal