Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

14/06/2009 - O Diário de Mogi Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Dupla presa com chupa-cabras

Por: Laércio Ribeiro


No momento em que instalavam chupa-cabra num dos caixas eletrônicos do Banco Unibanco, no Hipemercado Extra, no Bairro do Mogilar, Fábio Gomes dos Santos, de 25 anos, e Paulo Donizeti Alves de Souza, de 33 anos, que residem na zona leste da Capital, foram flagrados justamente pelo técnico de uma empresa responsável pela manutenção das máquinas.

A Polícia Militar foi chamada. O sargento Takano e o cabo Alexandre com apoio de mais dois policiais, da 1ª Cia, do 17º BPMM, surpreenderam os acusados, bloqueando as saídas do estabelecimento, impedindo que escapassem com os seus carros: o Polo prata DYJ-8196, de Fábio, e o Citroen DKG-6478, de Paulo.

"Ainda assim saíram correndo, mas conseguimos capturá-los", disse o sargento Takano, que os apresentou ao delegado Ricardo Glória, bem como os automóveis, dois notebooks, dois teclados de caixas eletrônicos, dois celulares, uma pasta tipo 007 com duas agendas. Nelas constam informações desde abril, citando os lucros e dados onde agiram.

Segundo o sargento Takano, um dos acusados ficaria perto do caixa e o outro num dos veículos, de forma que as informações de clientes do Unibanco, que utilizassem as senhas, seriam transmitidas via bluetooth. "É algo muito engenhoso", destacou.

Fábio e o comparsa não quiseram se manifestar e nem o advogado deles, que acompanhou o auto de prisão em flagrante por tentativa de furto qualificado por rompimento de obstáculo, fraude e concurso de agentes.

Para o delegado Ricardo Glória, os criminosos são integrantes de uma quadrilha organizada, que age no Estado, mas ressalva que "para comprovar é preciso dar continuidade às investigações".

Ele esclareceu que Fábio e Paulo ainda podem responder por furtos continuados contra o próprio Unibanco e seus clientes. "Vamos comunicar o banco e precisamos saber se foi sacado algum dinheiro, de quem e qual o valor. Só, então, poderemos atribuir mais crimes à dupla". Os criminosos já têm antecedentes por furto, roubo e estelionato.

No flagrante, o delegado Glória mobilizou as escrivãs Alzira e Rosângela, além dos policiais Djalma e Laudemiro Ribeiro.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 417 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal