Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

08/06/2009 - O Tempo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Nota falsa para comprar sapato

Por: Raphael Ramos

Casal do Espírito Santo é preso por estelionato ao tentar comprar produtos na feira da Afonso Pena.

Um casal de comerciantes do Espírito Santo foi preso na manhã de ontem, na Feira de Artesanato da Afonso Pena, no centro de Belo Horizonte, suspeito de estelionato. Segundo a Polícia Militar, Rodrigo Rocha Souza, de 27 anos, e a namorada dele, Milene Rosi, de 25, compraram um sapato feminino em uma banca e pagaram o produto com sete notas falsas de R$ 10. Os dois foram presos após proprietário do estabelecimento estranhar a nota e comentar com colegas de trabalho.

O sargento Marcelo Estevão, do 1º Batalhão da Polícia Militar, contou que as notas falsas pareciam verdadeiras, mas, se conferidas com atenção, tinham defeitos facilmente perceptíveis, pois não apresentavam marca d’água e o número de série de cinco delas era o mesmo. "Conseguimos chega até o casal pelas características deles que nos foram passadas. Eles ainda estavam na feira tentando comprar mais produtos", afirmou o sargento Estevão. O policial disse que com o casal foi encontrada uma sacola de roupas e sapatos que haviam sido comprados na feira, além de R$ 200 em notas verdadeiras. No entanto, não houve outros registros de comerciantes que teriam sido enganados pelo casal, conforme a polícia.

De acordo com o sargento, os suspeitos contaram que possuem uma loja em Vila Velha/ES, onde revendiam os produtos comprados na feria da Afonso Pena. Os dois ainda disseram à polícia que chegaram, na madrugada de ontem, à capital mineira para fazer compras em uma excursão, rotina que cumpriam com frequência. Para os policiais, a dupla não conseguiu explicar a origem das notas falsas. O sargento Estevão contou que eles alegaram ter recebido o dinheiro ilegal também no comércio. Os namorados foram encaminhados para a Superintendência da Polícia Federal.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 300 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal