Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS



Promoção BLACK WEEK. Até o dia 02/12 valor promocional para o Treinamento sobre Fraudes Crédito e Comércio ! CLIQUE AQUI.


Acompanhe nosso Twitter

06/06/2009 - Portal Amazônia Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Polícia realiza mandados de busca e aprensão nas residências dos ex-diretores da Ascer


BOA VISTA - A Polícia Civil cumpriu ontem (5) quatro mandados de busca e apreensão nas residências de ex-diretores da Associação de Servidores da Central Energética de Roraima (Ascer), em Boa Vista. O pedido foi feito pelo Ministério Público Estadual (MPE).

A ação policial foi coordenada pelo diretor do Departamento de Operações Especiais (Dopes) Márcio Amorim. A busca contou com a participação de policiais do 1º e 3º Distrito Policial, da Delegacia Geral e do interior e outros departamentos de Pólícia.

Busca

De acordo com Márcio Amorim, os mandados de busca e apreensão foram cumpridos simultaneamente nas residências de Onecir de Souza Rodrigues, no bairro Pricumã; Eunice Coelho, no bairro São Vicente; Hildemira Trajano, no bairro Buritis e de José Vandir Albuquerque, no bairro Cinturão Verde.

O grupo foi denunciado pelo Ministério Público pela prática dos crimes de estelionato, subtração e falsificação de documentos entre os anos de 2000 e 2002. Os quatro eram responsáveis pela direção da Ascer durante aquele biênio e neste período teriam falsificado alguns tickets em nome dos conveniados e entregue nos comércios de Boa Vista.

- Este grupo é acusado de ter aplicado um golpe no valor aproximado de R$ 134 mil no comércio local. A denúncia é de que confeccionavam de forma fraudulenta os tickets e passavam nos comércios. Quando os comerciantes entregavam os tickets na Associação para serem reembolsados, eles recolhiam e destruíam os documentos e não os lançavam na Folha de Pagamento -, disse o diretor da Dopes.

Havia um quinto mandado de busca e apreensão, mas não foi cumprido pela Polícia por haver divergência no endereço informado.

Durante o trabalho policial foram apreendidos computadores, blocos de notas, alguns documentos pertencentes à Associação, entre outros. O diretor disse que o material apreendido passará por triagem e será encaminhado para análise na 5ª Vara Criminal, onde partiu as ordens de buscas e apreensão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 238 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal