Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

11/05/2009 - 180 Graus / Diário do Povo Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Empresa contratada no Detran envolvida numa fraude, em AL

Por: Allisson Paixão

Ministério Público do Piauí não impetrou nenhuma ação contra a empresa no Estado.

Matéria do jornal Diário do Povo diz que o Ministério Público Estadual de Alagoas através da Promotoria da Fazenda Pública Estadual,propôs uma Ação Civil Pública por improbidade administrativa contra servidores, ex-servidores, centros de formação, prestadores de serviço e clínicas médicas por fraude na emissão de Carteiras Nacionais de Habilitação dentro do Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Entre as empresas denunciadas está a Cercap (Centro Brasileiro de Reciclagem e Capacitação Profissional), que é uma das empresas prestadoras de serviço do Detran do Piauí. A Cercap foi denunciada através de seus diretores executivos Eduardo H. Magalhães Melo, Eugênio Pereira Lima Filho, Marcos Azevedo Ximenes e José Adolfo Azevedo Ximenes. A informação foi divulgada na semana passada no site do Ministério Público de Alagoas. O documento foi entregue na 18ª Vara da Fazenda Estadual.

O Ministério Público do Piauí não impetrou nenhuma ação contra a empresa no Estado. Os donos da Cercap tem mais duas empresas que prestam serviço para p Detran do Piauí desde 2003. Na Ação Civil Pública, movida em Alagoas, o Ministério Público requer a perda do cargo dos servidores envolvidos; a cassação do credenciamento das empresas envolvidas e o cancelamento de todas as carteiras emitidas de forma fraudulenta. O documento foi apresentado pelo promotor de Justiça Sidrack Nascimento, que desde 2006 levanta informações sobre o caso. A lista divulgada no site tem 20 envolvidos no esquema.

A lista foi divulgada no link http://www.mp.al.gov.br/noticias/?vCod=9319. Em 2007 o Ministério Público do Piauí chegou a mover ação contra a empresa Fidúcia Documentação L.T.D.A, empresa que tem em sua diretora Eugênio Pereira Lima Filho, Marcos Azevedo Ximenes e que também presta serviços no Detran do Piauí, o promotor Sidrack chegou a pedir documentos sobre o processo para o Ministério Público do Piauí.

Fernando Frederico Kummer de Carvalho, servidor público estadual do Detran de Alagoas; Ubiratan Ribeiro da Silva, ex-funcionário comissionado do Detran de Alagoas; José Waldi-ney Pereira de Gouveia, ex-fun cionário comissionado do Detran de Alagoas; Alceu de Oliveira Barbosa, servidor público co-missionado do Detran de Ala-goas; CFC Direplan, através do seu proprietário Dacildo de Souza Lima Sobrinho; Dacildo de Souza Lima Sobrinho, proprietário da Direplan.

Da Cercap em Alagoas também foram denunciados Arlene Maria da Silva, funcionária da CERCAP; Silvano do Nascimento Silva, moto-boy, ex-funcionário da CERCAP;Carlos Eduardo Barros de Andrade, funcionário da CERCAP; Lucas Thadeu Rangel Paranhos, funcionário da CERCAP; William Ricardo de Alcântra Experidião, funcionário da CERCAP.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 838 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal