Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


Acompanhe nosso Twitter

04/05/2009 - EPTV.com Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Quadrilha de estelionatários é presa em Rio Claro

Operação identificou quatro pessoas que se passavam por empresários na cidade.

Quatro pessoas foram presas acusadas de estelionato e roubo, em Rio Claro, nesta segunda-feira (4). Eles são suspeitos de pertencer a uma quadrilha que agia em sete estados. As prisões foram parte de uma operação conjunta da Polícia Civil de Rio Claro e do Mato Grosso do Sul.

A polícia contabilizou carros, motos, jóias e casas, como parte do que a quadrilha de estelionatários conseguiu. Policiais do Grupo de Operações Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Mato Grosso do Sul estiveram em Rio Claro. Há dois meses, eles acompanhavam as ações dos criminosos.

De acordo com as investigações, os criminosos aplicavam o golpe do bilhete premiado e também faziam assaltos em Campo Grande, Brasília, Nordeste, Minas Gerais e interior de São Paulo. Em apenas um dos golpes eles conseguiram R$ 40 mil. Em Rio Claro, eles se passavam por empresários e usavam o dinheiro dos crimes para aumentar o patrimônio.

Os presos são José Aparecido Santos, a filha dele Josiane Santos, Willian de Oliveira e Celi Ranqui, a responsável pela movimentação do dinheiro da quadrilha. Todos têm passagens pela polícia. Uma mulher ainda está foragida.

A polícia acredita que novas vítimas serão identificadas. “A nossa delegacia tem um CD particular de golpistas. Nós disponibilizamos para outras polícias para evitar esse tipo de crime”, afirmou o delegado Paulo Henrique Nabuco de Araujo.

Se condenados, a pena pode chegar a cinco anos de prisão.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 310 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2016 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal