Monitor das Fraudes - O primeiro site lusófono sobre combate a fraudes, lavagem de dinheiro e corrupção
Monitor das Fraudes

>> Visite o resto do site e leia nossas matérias <<

CLIPPING DE NOTÍCIAS


ÚLTIMOS TREINAMENTOS DE 2017 SOBRE FRAUDES e DOCUMENTOSCOPIA

Veja aqui a programação dos últimos treinamentos sobre Falsificações e Fraudes Documentais (16/11) e sobre Prevenção e Combate a Fraudes em Empresas (30/11).

Acompanhe nosso Twitter

23/04/2009 - Jornal de Itupeva Escrever Comentário Enviar Notícia por e-mail Feed RSS

Recepcionista vai para a Cadeia por aplicar golpes em lojas

Por: Ivan Marcos Machado


Os policiais do 7º Distrito de Jundiaí prenderam, ontem, pela manhã, a recepcionista Nataly Cristiane Pereira dos Santos, 21 anos, moradora no conjunto residencial “Terra da Uva”. Ela é acusada de estelionato, em crime continuado, contra várias lojas da cidade e da região.

Nataly tinha em seu poder documentos falsos em nome de Solanja Ferreira Moura, Alcione Alves dos Santos e Ana Carolina Barbosa.

No caso de “Solanja”, ela fazia uso da numeração do Registro Geral (RG) que pertencia a um homem, “João”.

Os documentos falsos foram obtidos em São Paulo. O delegado Carlos Alberto Abrantes disse que vinha recebendo uma série de queixas de estelionato de comerciantes no 7º Distrito e as características da golpista sempre eram as mesmas.

Ele orientou os investigadores Coutinho e Torso para que fossem conversar com as vítimas, a fim de tentar encontrar algo que pudesse levar até a responsável pelos golpes.

Ontem, pela manhã, quando a acusada foi presa, ela tentou negar as acusações. Porém, em sua residência foram encontradas as carteiras de identidade falsas, cartões bancários, talões de cheques e outros documentos que servirão para a denúncia.

Levada para o 7º Distrito Policial, Nataly prestou depoimento e acabou confessando ao delegado que praticou vários golpes na cidade, sem revelar quais foram os estabelecimentos.

Agora, o delegado espera que as vítimas compareçam até a delegacia, para tentar localizar os bens adquiridos pela acusada.

Nataly disse que “revendia” tudo. Quem comprou os produtos dos golpes poderá ser indiciado, também, na Polícia, por receptação.

Material de construção

Nataly disse que o último golpe que praticou, deixando “pistas” para os policiais civis, foi em uma loja de materiais para construção. Ela comprou R$ 5 mil em blocos.

A loja de materiais havia entregue R$ 700,00 em blocos, devendo fazer as demais entregas posteriormente.

Nataly disse que pretendia revender os materiais de construção “pela metade do preço”, para uma outra pessoa. A jovem disse que não esperava que a Polícia fosse descobrir o golpe.

O investigador Hélio di Berardo e o delegado Carlos Alberto realizaram, na tarde de ontem, os levantamentos de todas as numerações dos documentos falsos, que serão anexados ao processo a ser encaminhado à Justiça. Nataly foi presa em flagrante e encaminhada para a Cadeia Pública Feminina de Itupeva.

RGs falsos foram comprados em SP

Nataly Cristiane Pereira dos Santos, 21 anos, se “encantou” pela facilidade de comprar produtos nas lojas, sem ter de pagar pelos mesmos.

Desempregada, mãe de um filho de 2 anos e casada, ela resolveu ir até a Praça da Sé, em São Paulo, onde comprou as carteiras de identidades falsas em nome de várias mulheres diferentes.

Ela assumiu as “identidades” dessas mulheres para comprar em lojas de Jundíaí, achando que jamais seria descoberta.

O delegado Carlos Alberto Abrantes, que comanda o 7º Distrito, disse acreditar que o número de vítimas (comerciantes) chegue a 20.

Os policiais pedem aos comerciantes que reconhecerem a golpista que procurem o 7º DP, na rua Capitão Cassiano Ricardo de Toledo, próximo ao Hospital Santa Elisa, na Chácara Urbana.

Página principal do Clipping   Escreva um Comentário   Enviar Notícia por e-mail a um Amigo
Notícia lida 542 vezes




Comentários


Nenhum comentário até o momento

Seja o primeiro a escrever um Comentário


O artigo aqui reproduzido é de exclusiva responsabilidade do relativo autor e/ou do órgão de imprensa que o publicou (indicados na topo da página) e que detém todos os direitos. Os comentários publicados são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores. O site "Monitor das Fraudes" e seus administradores, autores e demais colaboradores, não avalizam as informações contidas neste artigo e/ou nos comentários publicados, nem se responsabilizam por elas.


Patrocínios




NSC / LSI
Copyright © 1999-2017 - Todos os direitos reservados. Eventos | Humor | Mapa do Site | Contatos | Aviso Legal | Principal